O Instituto Criar acredita que a expressão audiovisual é o ponto de partida e de chegada para a transformação dos jovens e do mundo em que vivem.

Para tanto, possibilita à juventude:

  • Expressar sua visão de mundo facilitando o acesso aos serviços, plataformas e instrumentos do fazer cultural em sua diversidade;
  • Reconhecer e desenvolver seus talentos e suas habilidades;
  • Viver o universo audiovisual na prática e na teoria;
  • Conquistar um trabalho e a independência;
  • Desenvolver o protagonismo social.

O percurso formativo dos jovens, com duração de um ano em período integral, articula oficinas técnicas e socioculturais. Os educandos podem escolher se especializar em um dos 5 núcleos técnicos. Ao final do Programa de Formação, o jovem pode obter até 3 DRTs, registro concedido pela Delegacia Regional do Trabalho que regulamenta a profissão de artistas e técnicos para trabalhar em TV, cinema, teatro ou publicidade.

As 5 oficinas socioculturais contemplam conteúdos e experiências pessoais e sociais importantes para o desenvolvimento.

O Programa de Formação também visa a ampliação dos espaços de aprendizagens para além dos muros do Instituto, buscando garantir o direito à cidade pela circulação e experimentação dos jovens nos diversos territórios de moradia e convivência

Núcleos Audiovisuais

Mais de 770 horas de aulas técnicas com direito a muita mão na massa para colocar em prática tudo que se aprende em sala de aula e realizar diversos produtos audiovisuais.

Os núcleos desenvolvem competências específicas em 5 diferentes áreas e cada jovem participa de um deles:

NÚCLEO
DE ARTE

Oficina de Cabelo e Maquiagem, Oficina de Figurino e Oficina de Cenografia e Objeto

NÚCLEO
DE FOTOGRAFIA

Oficina de Câmera e Maquinária, Oficina de Iluminação e Elétrica e Oficina de Fotografia e Imagem

NÚCLEO
DE PRODUÇÃO

Oficina de Produção

NÚCLEO
DE PÓS-PRODUÇÃO

Oficina de Animação, Oficina de Edição e Oficina de Computação Gráfica

NÚCLEO
DE SOM

Oficina de Som

Oficinas Socioculturais

TODOS os jovens participam das 5 oficinas socioculturais.

São 600 horas de formação nas quais os jovens são convidados a desenvolver e explorar habilidades ligadas à criatividade, expressão, comunicação, história do audiovisual, diferentes linguagens, participação social e mundo do trabalho.

Oficina de Roteiro, Leitura, Escrita e Narrativa

Oficina de Direção, Linguagem e Imagem

Oficina de Criatividade e Pesquisa

Oficina de Desenvolvimento Humano

Oficina de Participação Social